Avaliação do desempenho inicial de procedências de Eucalyptus tereticornis Smith. no Vale do Rio Doce – MG

Flávio Pereira da Silva, Maria das Dôres David Silva, Arno Brune, Alexandre Arnhold

Resumo


O Eucalyptus tereticornis Smith é importante para a economia brasileira pela sua participação na produção de celulose, madeira para construções civis e para fabricação de carvão vegetal para siderurgia. O crescimento da demanda por madeira requer o desenvolvimento de programas de melhoramento visando definir procedências de espécies de eucalipto que apresentem características compatíveis com os usos finais das madeiras e significativa adaptabilidade às condições ecológicas específicas. Foram instalados no Vale do Rio Doce-MG, dois testes de procedências de Eucalyptus tereticornis, nos municípios de Dionísio (MG) e Marliéria (MG), utilizandose 11 e 14 procedências, respectivamente. A implantação ocorreu segundo o delineamento de blocos ao acaso, contendo 6 repetições, parcelas de 5 plantas, espaçamentos de 5 x 5 m e 6 x 4 m, respectivamente, em Dionísio e Marliéria. Em uma análise efetuada entre as idades de 4 e 5 anos, para altura, DAP, sobrevivência e volume cilíndrico por hectare, verificou-se que as procedências 12.947 (Kennedy River); 10.952 (Mt. Molloy) e 10.975 (N.W.Laura) destacaram-se em Dionísio, enquanto em Marliéria os melhores desempenhos foram apresentados pelas procedências 12.947 (Kennedy River); 11.953 (Laura) e 10.952 (Mt. Molloy).


Palavras-chave


Wood, eucalypt, growth, base population, charcoal

Texto completo:

PDF


Revista Ciência Agronômica ISSN 1806-6690 (online) 0045-6888 (impresso), Site: www.ccarevista.ufc.br, e-mail: ccarev@ufc.br - Fone: (85) 3366.9702 - Expediente: 2ª a 6ª feira - de 7 às 17h.